× Capa Meu Diário Textos Áudios Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
POETIZANDO pra NÃO ir PIRANDO
Sentimentos, Poesias...Percepções ...São todos os dias
Textos
À São Cosme e Damião
Tinha uma época do ano, a mais esperada depois do Carnaval e antes do Natal. Para ela era esse o verdadeiro dia das crianças...dia em que todas iam para a rua para receberem da sociedade carinho e atenção em forma de doces: São Cosme e Damião.

Andava pelas ruas de Campo Grande ou na Avenida Suburbana, sempre acompanhada de um tio querido ( Osdir) e dos primos ou da galera do bairro.... Dias lindos que se passaram.... momentos únicos que ficaram.

Em 1990, tinha treze anos, e nesse ano não pegou doce. Sentada no meio fio, a alegria das crianças correndo de um lado para o outro constratava com aquela menina atônita com os rumos da vida deu.  Sua mãe que sempre dava doces acabara de partir.... E ela tinha vontade de sumir....
e daí por diante, nunca mais festejou a data.

Até nascer seus Eres, daí passou a curtir outra vez....
São Cosme e Damião passou a fazer parte dela de vez
Fla Vinha Valença
Enviado por Fla Vinha Valença em 26/09/2019
Alterado em 27/09/2019
Comentários